Após viver 5 anos em hospital de São José, Yasmin volta para casa

17/01/2019



 

Internada desde os 8 meses no Hospital Municipal de São José dos Campos, a pequena Yasmin Vitória dos Santos, de 5 anos, finalmente foi para casa. A saída aconteceu nesta quarta-feira (16) pela manhã.

A menina cresceu ao redor de enfermeiras, uma cama de hospital e um aparelho para respirar. Vítima de bronquiolite obliterante, agora Yasmin vai iniciar uma nova fase de sua vida, com uma cama, quarto e escolinha para chamar de sua.

Em 5 anos, Yasmin não conheceu somente a realidade hospitalar. No ano passado, a menina saiu de seu quarto no Hospital Municipal pela primeira vez para ter uma aula na escola quem que está matriculada.

O translado entre o hospital e a escola foi realizado por ambulância e o passeio teve apoio de uma médica, uma fisioterapeuta e uma enfermeira. "Ela é muito comunicativa e não para quieta. Estou muito feliz e surpresa pela maneira que ela se adaptou com as outras crianças, o carinho das crianças com ela. É bom demais. Se faz ela feliz, me alegro também”, disse a mãe de Yasmin, Diana Pereira, em setembro. 

A mãe foi uma das sorteadas para ganhar um apartamento do conjunto habitacional Limoeiro II, que teve suas chaves entregues no fim do ano passado. 

No primeiro mês, a equipe do PHD (Programa Hospitalar Domiciliar) fará visitas semanais à casa da menina. Além disso, todos os meses ela passará por consulta médica programada com os pediatras do hospital.

Em casa, Yasmin poderá ter uma vida praticamente normal. Durante o dia, ela vai utilizar um equipamento móvel, chamado torpedo de oxigênio, que permite que ela se locomova mais facilmente. "Com isso ela terá mais liberdade para ir e vir”, completou. À noite, para dormir, ela será ligada a um ventilador mecânico.

De acordo com a prefeitura,  a equipe do HM ministrou um treinamento intensivo para a mãe da menina, orientando sobre as medicações que ela precisa, como realizar a aspiração, a troca de equipamentos, higiene pessoal e outros. "Em razão da doença, ela sempre vai precisar de um aparelho que leve o ar aos seus pulmões”, disse Gabriela.

Todos os equipamentos, assim como os medicamentos necessários para a manutenção de sua saúde, serão fornecidos pela gestão municipal. Yasmin deverá ser matriculada na escola de educação infantil mais próxima de sua casa, no bairro Dom Pedro I, região sul, para facilitar sua locomoção.

DESPEDIDA. 

Na segunda-feira (14) Yasmin foi ao cinema pela primeira vez e, nesta terça (15), ganhou uma festinha de despedida preparada carinhosamente pela equipe do Hospital Municipal.

"Todo mundo está se perguntando como será daqui pra frente quando a gente passar pelo quarto da Yasmin e não ver mais ela lá”, disse, emocionada, a enfermeira Gabriela de Almeida Mari, que faz parte da equipe multidisciplinar do HM que cuidou dela, formada por médicos, enfermeiros, fisioterapeuta, fonoaudióloga e psicóloga.

Fonte: http://www.ovale.com.br/_conteudo/2019/01/nossa_regiao/66470-apos-viver-5-anos-em-hospital-de-sao-jose-yasmin-volta-para-casa.html

:: Voltar